26 de out de 2011

Do que as mulheres gostam? (GNOME Shell vs. Unity)

GNOME Shell vs. Unity - imagem ilustrativa

Em agosto deste ano, publiquei o seguinte comentário no BR-Linux:

"No meu PC, tenho o Ubuntu 10.04 (GNOME 2) e Fedora 15 (GNOME 3).

Minha esposa utiliza mais o PC que eu. Há anos que ela só usava Ubuntu com os painéis do GNOME 2, mas passou a usar o GNOME Shell quando instalei (por pouco tempo) o openSUSE 11.4 e depois com o Fedora 15 (o Fedora está como sistema/boot padrão no GRUB).


Um dia desses, entrei no Ubuntu para atualizar, e deixei lá. Ela entrou. Usou um pouco, e reclamou. Disse ela: “- Ai… não gosto mais desse. Não dá pra botar de volta naquele novo, preto e azul? Aquele (Fedora + GNOME 3) é mais legal. Neste (Ubuntu + GNOME 2), tô perdida e atrapalhada. Eu gostava desse, mas agora prefiro aquele…”.

Quando sair o Ubuntu 11.10 (com Unity no lugar do GNOME Shell), vou “força-la” a usá-lo (ela ainda não experimentou o Unity). Acho que vai dar um bom case…"

Pois bem. Em meados de outubro, resolvi por em prática o tal "estudo de caso". Troquei o Fedora 15 pelo Ubuntu 11.10.

Minha esposa olhou, mexeu um pouco, e disse:
- Não é tão diferente - o Unity. É bem parecido com aquele outro - o GNOME Shell.

No início, reclamou de alguns problemas. Percebi que o Unity-3D estava com alguns bugs chatos. Então troquei para a interface Unity-2D (Ubuntu 2D).

Dias depois, perguntei a ela o que tinha achado do sistema. Qual era mais fácil, qual tinha gostado mais, se Fedora 15 com GNOME Shell ou Ubuntu 11.10 com Unity (comparei as funcionalidades...). A resposta:
- Gostei mais desse. É mais fácil de achar o que eu preciso.

Perguntei se ela tinha certeza:
- Tenho. Gostei mais disse - disse ela.

Avisei que o GNOME Shell também estava instalado no Ubuntu e que, se ela quizesse usá-lo, era só trocar... Ela respondeu:
- Não! Quero esse! Aquele é legal, mas gostei mais desse. Não troca!
- Está bem, está bem - disse eu.

Fim do case. :)

1 comentários

ezrandrade disse...

Achei seu case muito interessante. Fiz algo semelhante com a minha esposa. Substitui o Ubuntu 10.10 (Gnome 2) pelo 11.10 (Unity 3D) e, de cara, ela disse: "Oxe, muito melhor. Muito mais fácil de usar". Apesar de ela ser uma linux user, continua sendo leiga. Usa o computador para internet, textos e planilhas, messengers, ou seja, possui o perfil de 90% dos usuários de computadores.